Pernambuco

Presidente Javier Milei critica Lula e reforça disputa política na América do Sul

presidente-javier-milei-critica-lula-e-reforca-disputa-politica-na-america-do-sul
Presidente Javier Milei critica Lula e reforça disputa política na América do Sul
snapinsta.app 448764814 1230538101268603 3074124555925163284 n 1080

” data-image-caption data-medium-file=”https://i0.wp.com/pernambuconoticias.com.br/wp-content/uploads/2024/07/Snapinsta.app_448764814_1230538101268603_3074124555925163284_n_1080.jpg?fit=600%2C400&ssl=1″ data-large-file=”https://i0.wp.com/pernambuconoticias.com.br/wp-content/uploads/2024/07/Snapinsta.app_448764814_1230538101268603_3074124555925163284_n_1080.jpg?fit=696%2C464&ssl=1″ tabindex=”0″ role=”button” src=”https://i0.wp.com/pernambuconoticias.com.br/wp-content/uploads/2024/07/Snapinsta.app_448764814_1230538101268603_3074124555925163284_n_1080.jpg?resize=696%2C464&ssl=1″ alt=”snapinsta.app 448764814 1230538101268603 3074124555925163284 n 1080″ data-recalc-dims=”1″>

Foto: Instagram Javier Milei

Buenos Aires, 2 de julho de 2024 – O presidente da Argentina, Javier Milei, renovou suas críticas ao ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva em uma postagem contundente no X (antigo Twitter), intitulada “O Perfeito Dinossauro Idiota”. Nesta sexta-feira, Milei não poupou palavras ao tecer críticas diretas a Lula, chamando-o novamente de “corrupto” e “comunista”.

Na publicação, Milei acusa Lula de ter interferido nas eleições de 2023 na Argentina, apoiando o que ele descreve como “a campanha mais suja da história”. “Ele reclama porque eu lhe respondo com sinceridade (ele foi preso por corrupção e é comunista)”, destacou Milei no texto.

O embate entre os dois líderes não é recente. Na semana passada, em resposta às críticas de Lula em uma entrevista ao UOL, Milei reiterou suas acusações, afirmando que não precisa se desculpar por dizer a verdade. “A verdade é que é uma discussão tão pequena. As coisas que eu disse ainda por cima são verdadeiras. Qual é o problema de chamá-lo de corrupto? Por acaso não foi preso por corrupção? Eu o chamei de comunista e por acaso ele não é comunista?”, argumentou Milei em uma entrevista ao canal La Nación +.

O distanciamento político entre Milei e Lula também reflete nas relações diplomáticas na América do Sul. Milei decidiu não participar da Cúpula do Mercosul, marcada para segunda-feira em Assunção, Paraguai, alegando uma “agenda sobrecarregada”. Em vez disso, confirmou presença na Conferência de Ação Política Conservadora, em Camboriú (SC), entre 6 e 7 de julho, evento que contará com a presença de Jair Bolsonaro (PL), presidente do Brasil.

A disputa ideológica e política entre Milei e Lula continua a influenciar o cenário político regional, com repercussões que vão além das fronteiras dos dois países. As declarações públicas e os posicionamentos de ambos têm sido acompanhados de perto pela imprensa e pela comunidade internacional, em um momento de intensa polarização na América do Sul.

Para mais atualizações sobre este e outros desenvolvimentos políticos na região, continue acompanhando nossas notícias.

Fonte: pernambuconoticias.com.br

Tags